Candidaturas indígenas crescem 59%, mas são apenas 0,46% do total

0
2

O número de candidatos autodeclarados indígenas aumentou 59% nas eleições
deste ano, passando de 81 para 129, na comparação com o pleito de 2014. Esse
número corresponde a apenas 0,46% do total de candidaturas. A maioria dos
postulantes a cargos eletivos ainda se autodeclara branca (53%). Em seguida,
vêm pardos (35%), pretos (11%) e amarelos (0,62%).

Os dados constam de levantamento feito pelo Instituto de Estudos
Socioeconômicos (Inesc), com base no sistema do Tribunal Superior Eleitoral.
De acordo com o estudo, os estados com maior número de candidatos
autodeclarados indígenas são Roraima, com 20; Amazonas, com 17; e Ceará, com
10. O único estado que não tem candidato autodeclarado indígena é Goiás.

Segundo a assessora política do Inesc Carmela Zigoni, apesar do aumento de
candidaturas indígenas ser expressivo, é preciso garantir que tenham apoio
durante e depois da campanha. “São muitos candidatos autodeclarados indígenas,
mas é importante verificar junto aos movimentos indígenas, às comunidades
indígenas, se essas pessoas de fato são representativas das etnias, das
comunidades, etc.”

O coordenador executivo da Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (Apib),
Dinaman Tuxá, informou que entidade está fazendo um estudo sobre as
candidaturas, com o objetivo de contribuir para o processo eletivo dos
“parentes”. Ele disse esperar que esses candidatos se comprometam com as
causas indígenas.

Tuxá lembrou que é preciso pautar os casos de violação de direitos dos povos
indígenas no Congresso Nacional, inclusive direitos já adquiridos, que constam
da Constituição brasileira. “Chega de imputar ao outro, ou passar esse poder a
pessoas que não conhecem de fato as nossas causas, que não vivenciam as nossas
causas, que não sentem a nossa dor”, enfatizou o coordenador da Apib.

De acordo com o censo de 2010 do Instituto Brasileiro de Geografia e
Estatística (IBGE), cerca de 800 mil pessoas se autodeclaram indígenas no
Brasil.

No entanto, nenhum dos 13 candidatos à Presidência da República nas eleições
deste ano autodeclarou-se indígena. Dois candidatos à Vice-Presidência
autodeclaram-se indígenas – Sônia Guajajara, que compõe a chapa do PSOL com
Guilherme Boulos, e Hamilton Mourão, do PRTB, companheiro de chapa de Jair
Bolsonaro, do PSL.

PEC 215

Uma das prinicpais preocupações do movimento indígena é a Proposta de Emenda à
Constituição (PEC) 215, que transfere da União para o Congresso Nacional o
processo de demarcação de áreas indígenas. Pela PEC, só podem ser demarcadas
como território indígena as terras que estavam ocupadas por comunidades
indígenas até 5 de outubro de 1988.

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA